Entertainment

Elon Musk teme que sua vida possa estar em perigo por apoiar a Ucrânia

O bilionário Elon Musk diz que tem sido alvo de ameaças por parte da agência espacial russa. De acordo com o Day by day Mail, Dmitry Rogozin, chefe da agência espacial russa, está descontente com o facto de Musk fornecer equipamentos de Web da Starlink à Ucrânia.

“Se eu morrer em circunstâncias misteriosas, foi bom conhecer-vos.” A frase foi escrita por Elon Musk no Twitter, pouco depois de também ele ter publicado um texto que diz ter sido escrito por Dmitry Rogozin, e no qual Musk é acusado de estar “envolvido no fornecimento de equipamentos de comunicação militar às forças fascistas na Ucrânia”.

No texto, o responsável russo garantia que Elon Musk iria ser “responsabilizado como um adulto” por estar na defesa da Ucrânia e, consequentemente, contra o regime russo, o que levou à resposta e ao alerta do dono da Tesla, seis minutos depois, com a partilha das ameaças de Dmitry Rogozin, primeiro em russo e depois em inglês.

Refere, ainda, de uma forma mais séria, que “A palavra nazi não significa o que ele parece pensar que significa”.

Os desentendimentos entre o dono do Twitter e a agência espacial russa já duram desde o início da invasão à Ucrânia, uma vez que a Starlink, um serviço que conta com 2000 satélites, tem tido um papel essencial para garantir as comunicações militares e Web aos ucranianos em plena invasão.

O projeto de ‘constelações’ da SpaceX está a ser o impulso para a vitória ucraniana na guerra dos drones, ajudando o país a rastrear os invasores russos.



Supply hyperlink

Leave a Reply

Your email address will not be published.